IPAM viabiliza Ação de Cidadania em assentamentos do PAS

img_6011 (1) Os habitantes do Assentamento de Cristalino II no Município de Aveiro, Pará, viram seus direitos por serviços públicos serem efetivados na 3ª Ação de Cidadania realizada pelo Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia – IPAM.

A ação realizada no período de 10 a 12 de março envolveu 10 profissionais das secretarias municipais de saúde e assistência social do município de Aveiro, como parte do acordo de cooperação técnica firmado com o INCRA e com apoio do Projeto Assentamentos Sustentável (PAS) na Amazônia: O Desafio da Transição da Produção Familiar de Fronteira para uma Economia de Baixo Carbono”, financiado pelo Fundo Amazônia/BNDES.

Nas primeiras ações de cidadania foi priorizada a emissão de documentos pessoais para os assentados. Esta terceira etapa do processo de desenvolvimento viabilizou serviços de atendimento médico, vacinação, distribuição de medicamentos, serviços de inserção e atualização das famílias no CADÚnico.

Desta vez a ação foi iniciada pela comunidade de Serra da Fumaça, em seguida foi atendida a comunidade de Bom Jesus, encerrando-se na comunidade de Santa Inês.

As famílias beneficiadas destacaram a importância da ação, principalmente, pela disponibilização de consultas médicas, distribuição de medicamentos e cadastramento no Programa ANDI (Atenção Nutricional à Desnutrição Infantil) para estruturação e qualificação da atenção nutricional às crianças do assentamento. No total foram realizados mais de 700 atendimentos, para cerca de 250 crianças, jovens e adultos da região do PA Cristalino II.

img_5972“Há um ano e meio atrás era mais difícil, ninguém nunca ouviu falar numa ação de cidadania dessa nesse lugar, e hoje estamos comtemplando isso aqui no nosso lugar”, destacou o senhor Izaias Gomes de Oliveira do assentamento PA Cristalino II.

Para as lideranças do assentamento a ação foi um marco histórico para a região que não havia sido contemplada com esse tipo de trabalho, principalmente por atender as expectativas das famílias que receberam atendimentos públicos em sua localidade, no que tange as principais necessidades do uso e acesso aos serviços do governo.

Segundo Edivan Silva de Carvalho, coordenador do IPAM na Regional Itaituba, “a gente avalia de forma positiva. É difícil na região da Amazônia o médico chegar até as comunidades. Hoje nós temos dois médicos vinculados ao Programa Nacional ‘Mais Médicos’. Isso era uma realidade distante de acontecer. Então só pelo fato dos médicos virem aqui e fazerem no total mais de 200 atendimentos e consultas médicas, já é uma grande conquista”.

 

A ação foi registrada pelo programa Focalizando da TV Tapajoara (Canal 7) filiada à SBT Itaituba. Confira como foi esse dia importante para o assentamento Cristalino II

 

Equipe IPAM Itaituba

 

 

Tags:

Nenhum comentário.

Deixe um comentário